Medicina das plantas

Saúde através das plantas – GUAÇATONGA (Casearia sylvestris)

Saúde através das plantas – GUAÇATONGA (Casearia sylvestris)

menos de 1 minuto Conhecida popularmente como café-bravo, carvalhinho, café-do-brejo, erva-de-bugre. Possui propriedades antisséptica, cicatrizante, antimicrobiana, fungicida, calmante, sudorífera,  diurética, estimulante do sistema circulatório, afrodisíaca, anestesiante, antiespasmódica, antihemorrágica, antirreumática, e imunoestimulante. A guaçatonga pode ser usada em hemorragias leves, picada de inseto, micoses, prurido, úlcera gástrica e feridas. É eficaz no combate a aftas, sapinho e herpes simples. Em odontologia pode ser utilizada para gengivite e antitártaro. Contra Indicação – Em gestantes ou mulheres em fase de lactação devem evitar o uso de guaçatonga. Esta Continue lendo

Erva de São Jorge (Valeriana officinalis): Para que serve?

Erva de São Jorge (Valeriana officinalis): Para que serve?

menos de 1 minuto Conhecida popularmente como Erva-de-São Jorge, erva-de-gato, valeriana menor, entre outros. Possui ação anti-inflamatória, diurética, antidepressiva, anticonvulsiva, antiepiléptica, vasodilatadora, hipotensiva, sedativa e moderadora de apetite. A valeriana funciona como um sedativo natural e é indicada como alternativa no tratamento de ansiedade, insônia e outros distúrbios do sono. As qualidades terapêuticas da valeriana são vastas incluindo cólicas abdominais, problemas digestivos, náuseas, perda de apetite, tensão muscular e doenças inflamatórias intestinais. A valeriana não deve ser utilizada antes de dirigir ou por operadores Continue lendo